Skip to content

Avaliações Psicossociais

para Trabalho em Confinamento e Altura

 

Colaboradores Aptos é a Segurança para TODOS:

EVITE ACIDENTES POR ATOS INSEGUROS

img_2

TRAGA MAIS SEGURANÇA PARA A EMPRESA!

Atendemos empresas na área de construção civil, infraestrutura, manutenção, prestadores de serviços,  que envolvam Trabalho em Altura e Confinamento.

A Avaliação Psicossocial é realizada apenas por psicólogos e ela avalia o quanto o trabalhador está apto para enfrentar de forma segura as  situações de riscos que os trabalhos em Altura e Confinamento podem trazer.

Os mais diversos riscos de acidentes, com maior gravidade, até mesmo os fatais, com óbitos, podem ser evitados a partir da identificação das condições do trabalhador para o enfrentamento de situações de trabalho que envolvam pressão e risco.

A Avaliação Psicossocial tem como foco proteger a vida do trabalhador e a saúde da empresa. è bom para todos: trabalhador, empresa e cliente!

Certifique-se que seus colaboradores estão APTOS para trabalho de Risco através da Avaliação Psicossocial! 

De acordo com as recomendações normativas constantes, mais especificamente, nas NR-33 e NR-35, emitidas pelo Ministério do Trabalho, faz parte da Gestão da Segurança, que todo trabalhador submetido à funções de risco, como Trabalho em Altura e Espaços Confinados, deva ser submetido à exames específicos voltados à função que irá desempenhar, incluindo os Fatores Psicossociais de Risco.

 Você pode trazer mais Segurança para TODOS:

Empresa, Clientes e Colaboradores

CONHEÇA DETALHES

Sobre as normas exigidas pela LEI.

Conforme a Norma Regulamentadora NR 33, espaço confinado consiste em qualquer área não projetada para ocupação humana contínua, com meios limitados de entrada e saída e ventilação insuficiente para remover contaminantes ou onde possa existir a deficiência de oxigênio. Também, conforme a Norma Regulamentadora NR-33, ESPAÇOS CONFINADOS, Portaria MTE n-1409 de 29/08/2012: Item 33.3.4.1 - Todo trabalhador designado para trabalhos em espaços confinados deve ser submetido a exames médicos específicos para a função que irá desempenhar, conforme estabelecem as NRs 07 e 31, incluindo os fatores de riscos psicossociais* com a emissão do respectivo Atestado de Saúde Ocupacional - ASO. Mais informações AQUI Espaços confinados são ambientes muito comuns dentro das áreas industriais, de construção civil, etc e, devido às características específicas deste tipo de ambiente e com o objetivo de prevenir acidentes, são necessários, além da observância dos potocolos de Segurança do Trabalho, cuidados especiais quanto a avaliação de fatores psicossociais de risco.

AVALIAÇÃO PARA TRABALHO EM ESPAÇOS CONFINADOS - NR 33

Conforme a Norma Regulamentadora NR 33, espaço confinado consiste em qualquer área não projetada para ocupação humana contínua, com meios limitados de entrada e saída e ventilação insuficiente para remover contaminantes ou onde possa existir a deficiência de oxigênio. Também, conforme a Norma Regulamentadora NR-33, ESPAÇOS CONFINADOS, Portaria MTE n-1409 de 29/08/2012:

Item 33.3.4.1 – Todo trabalhador designado para trabalhos em espaços confinados deve ser submetido a exames médicos específicos para a função que irá desempenhar, conforme estabelecem as NRs 07 e 31, incluindo os fatores de riscos psicossociais* com a emissão do respectivo Atestado de Saúde Ocupacional – ASO. Mais informações AQUI

Espaços confinados são ambientes muito comuns dentro das áreas industriais, de construção civil, etc e, devido às características específicas deste tipo de ambiente e com o objetivo de prevenir acidentes, são necessários, além da observância dos potocolos de Segurança do Trabalho, cuidados especiais quanto a avaliação de fatores psicossociais de risco.
Conforme a Norma Regulamentadora NR 35 todas as atividades profissionais que exijam que o trabalhador fique em alturas superiores a dois metros — seja em andaimes, plataformas ou escadas — são consideradas trabalho em altura, uma vez que em caso de queda poderá colocar em risco a integridade e até mesmo a vida do colaborador. Também, conforme a Norma Regulamentadora NR-35, TRABALHO EM ALTURA, Portaria SIT, n-313, de 23/03/2012: Item 35.4.1.2 - Cabe ao empregador avaliar o estado de saúde dos trabalhadores que exercem atividades em altura, garantindo que: a) os exames e a sistemática de avaliação sejam partes integrantes do Programa de Controle Médico da Saúde Ocupacional - PCMSO, devendo estar nele consignados; b) a avaliação seja efetuada periodicamente, considerando os riscos envolvidos em cada situação; c) seja realizado exame médico voltado às patologias que poderão originar mal súbito e queda de altura, considerando também os fatores psicossociais.

AVALIAÇÃO PARA TRABALHO EM ALTURA - NR 35

Conforme a Norma Regulamentadora NR 35 todas as atividades profissionais que exijam que o trabalhador fique em alturas superiores a dois metros — seja em andaimes, plataformas ou escadas — são consideradas trabalho em altura, uma vez que em caso de queda poderá colocar em risco a integridade e até mesmo a vida do colaborador. Também, conforme a Norma Regulamentadora NR-35, TRABALHO EM ALTURA, Portaria SIT, n-313, de 23/03/2012:

Item 35.4.1.2 – Cabe ao empregador avaliar o estado de saúde dos trabalhadores que exercem atividades em altura, garantindo que:

a) os exames e a sistemática de avaliação sejam partes integrantes do Programa de Controle Médico da Saúde Ocupacional – PCMSO, devendo estar nele consignados;

b) a avaliação seja efetuada periodicamente, considerando os riscos envolvidos em cada situação;

c) seja realizado exame médico voltado às patologias que poderão originar mal súbito e queda de altura, considerando também os fatores psicossociais.

CONHEÇA ALGUNS DE NOSSOS CLIENTES

 

l1
l2
l3
l4
l5
l6
l7
l8
MENSAGEM ONLINE

Tem alguma dúvida? Entre em contato conosco e será uma satisfação atendê-los. Breve retornaremos!

Open chat
Chame no Whatsapp
Olá! Podemos te ajudar?